9 de maio de 2013

Andei Lendo #18 Hush Hush - Crescendo


Título: Hush Hush - Crescendo

Autor(a): Becca Fitzpatrick

Editora: Intrínseca, 1º edição 285 páginas.

Sinopse: Nora deveria saber que sua vida estava longe de ser perfeita. Apesar de começar uma relação com seu anjo da guarda, Patch (quem, título à parte, pode ser descrito como qualquer coisa, menos angelical), e sobreviver a um atentado a sua vida, as coisas não parecem melhorar. Patch está começando a se afastar e Nora não consegue descobrir se é para o seu próprio bem ou se o seu interesse voltou-se para sua arqui-inimiga, Marcie Millar. Sem contar que Nora é assombrada por imagens de seu pai e ela fica obcecada querendo descobrir o que realmente aconteceu com ele naquela noite em que ele partiu para Portland e nunca voltou para casa. Quanto mais Nora se aprofunda no mistério da morte de seu pai, mais ela começa a se perguntar se sua ascendência nefilim tem algo a ver com isso, assim como o por quê de ela estar em perigo com mais freqüência do que as garotas normais. Já que Patch não está respondendo suas perguntas e parece estar atrapalhando, ela tem que começar a procurar as respostas por si só. Confiar demais no fato de que ela tem um anjo da guarda põe Nora em perigo de novo e de novo. Mas ela pode mesmo contar com Patch ou ele está escondendo segredos mais obscuros do que ela pode imaginar?



#Resenha 


A série me ganhou no final desse livro. Teve segredos mais empolgantes, mais ação e ao mesmo tempo foi um livro bem chatinho de ler. A historia se arrasta muito quando Patch não está, que como eu disse antes, é a coisa mais interessante da série. Nesse livro há vários capítulos sem que ele apareça, só com as narrações chatas de Nora. Ela fez algumas besteiras no começo que me deixaram com vontade de gritar com ela e mandar ela deixar de ser dramática! De certa forma isso deixou as aparições de Patch mais intensas *-*

Agora eles estão juntos, mas ele começa a ficar cada vez mais distante dela e próximo de Marcie, sua inimiga desde a infância. Isso foi terrível, fiquei com ciúmes por Nora! Demorei pra acreditar que Patch realmente estava fazendo aquilo! Nora tem que aprender a conviver com a visão dos dois juntos para todo lugar que ela vai. Conhecemos um novo personagem, e outros se tornam extremamente importantes. A história começa a tomar forma, a se fortalecer para ser mais que um livro. O final foi bastante empolgante, Nora se tornou uma personagem de mais ação. Ainda vi algumas semelhanças crepúsculizadas nesse livro, como o fato de ela se meter em confusão de proposito porque Patch é seu anjo da guarda e assim talvez ela possa vê-lo. Mas isso não durou muito. Gostei :D


• Classificação: Muito Bom!

2 comentários:

  1. Oi Mah, :)

    Ai, como quero esse livro a um tempão - tenho sussurro e silêncio, me falta esse e finale *---*

    E... também senti falta do Patch nesse livro O.o' rs Mas, acho que numa 'pesagem' foi uma falta boa, porque como você disse, deu impacto aos momentos em que ele aparecia e eu sempre me pegava, nesses cinco minutos de aparição dele, tentar achar um motivo em alguma de suas frases misteriosas para isso de ele ter ficado com a Marcie... meu Deus, quanto ciúme eu também não passei com esse livro?? O.o' kkkk' Sério, ficava louca lendo ele com a Marcie e o modo como ele não explicava nada.

    Mas, gostei muito do final, acho que nesse livro começa o crescimento emocional da Nora que se concretiza no final de Silêncio. :)

    ~> Beijusss...;*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, quando ele aparecia não sabia se ficava feliz ou com raiva! Simplesmente não consegui entender porque ele estava saindo com a chata da Marcie! Mas também gostei muito do final, a historia amadureceu bastante nesse ponto!

      Beijo!

      Excluir

Obrigada por comentar, volte sempre! *-*