30 de abril de 2012

é isso aee u.ú


"Já aceitei vocês e suas cargas, suas faltas; e nada disso foi suficiente porque vocês não puderam ou não souberam me aceitar. Vocês não podem carregar o que tem aqui dentro, esse peso que eu preciso dividir pra não ficar sobrecarregada por existir. Agora não aceito mais. Não consigo aceitar nada pela metade e vocês são incompletos porque não se permitem ir além."

Posse - Verônica Heiss

24 de abril de 2012

Pedido de desculpas :x

Começo me desculpando pelo sumiço...
Nem sei mesmo se alguém continua lendo o que eu posto, mas de qualquer forma preciso me desculpar até mesmo com o "Blog" por desaparecer por tanto tempo e com tanta frequência.
Sei que a faculdade não é desculpa, não to assim tãaao sem tempo... Mas sei lá, ando meio confusa, e aqui não tem sido meu primeiro refugio como era antes, coisa que preciso mudar urgentemente!
Ser sempre a "diferente", a "estranha" não é nem um pouco fácil. Acredito que muita gente se sinta assim também de vez em quando. Sempre tenho ideias diferentes, como pintar o cabelo de verde por exemplo, eu sabia que sempre que virava as costas todos atrás de mim (Inclusive pessoas que pensava serem minhas amigas) começavam a comentar e não falavam bem, lógico. Eu nunca me importei, afinal eu sou eu, e não vou deixar que a opinião alheia me transforme em mais uma peça comum no mundo. Mas ser sempre criticada uma hora enche o saco! Agora cortei o cabelo (Nem mostrei a vocês ainda :x) E todo mundo me olha melhor, vai ver que a coragem de fazer coisas incomuns incomoda as pessoas.
Ha, mas é porque eu tinha o cabelo verde, porque eu me visto estranha, ando com pessoas estranhas, sou ateia e odeio discuções religiosas, é porque eu faço design, gosto de cadeiras e luminárias, adoro animes e sei de tudo sobre Fullmetal Alchemist, gosto de Glee, ouço musica demais, leio demais, durmo demais, estudo demais...É, eu sou estranha mesmo, as pessoas teem o DIREITO de falar mal de mim não é? ):


• Blog querido,seguidores queridos, visitantes queridos, meeus amores prometo a vocês que vou tentar visitar e atualizar pelo menos 2 vezes por semana de agora em diante tá?

• Aah gente, andei visitando a praia esse mês e tirei uma foto do sol nascendo lá, olha que coisa linda:


• And, meu novo cabelo curto, *-*:


• Ok gente, agora vou indo, se cuidem! Amo vocês

6 de abril de 2012

E amanhã? :(


Esse é só mais um daqueles momentos que um abismo se abre na sua frente e você não sabe mais o que fazer.
Porque, eu me pergunto a cada minuto, porque sempre acham que sou boba o suficiente pra acreditar em qualquer mentira que contam? Porque sempre acham que eu não vou descobrir, e se descobrir vou perdoar e vai ficar tudo bem? Será que é divertido tentar me enganar?
Eu aprendi a duras penas que não dá pra confiar em tudo que te contam, por mais que pareça verdade, por mais sincero que demonstre ser, você sempre deve ter motivos pra desconfiar de tudo e de todos. E ai, como uma grande idiota eu resolvo jogar fora essa capa contra magoas, eficiente, mas que sempre trás consigo uma desconfiança que simplesmente não pode existir entre duas pessoas que se amam. E cá estou sem saber se realmente valeu a pena, e morrendo de medo de ter que tomar essa decisão que não sai da minha cabeça. Será que é engraçado me ver chorar?
Uma hora, qualquer pessoa cansa de perdoar e tentar esquecer, de fazer o que acha que é certo, de esquecer de si próprio pra pensar/amar/se dedicar a uma pessoa que volta e meia te faz ficar sem chão pra continuar, acho que agora eu cansei.
Pensando bem, como é triste amar.