9 de janeiro de 2011

Um vazio chamado tristeza...

 Momentos de fraqueza que a vida nos desperta,aqueles momentos em que desejamos estar somente só...
 Olhamos para o lado e não vemos ninguém,pelo menos não que estejam realmente do seu lado desejamos ter com quem desabafar ou simplesmente alguém que te olhe fundo nos olhos e diga que nos entende mesmo sem você ter dito nada,assim,uma pessoa que possa dizer que pertence a você mesmo estando tão longe e que não para de pensar em você.Sentir falta desses momentos é comum,é triste,mas é comum.
 Olhar para o céu a noite,as estrelas que me fazem lembrar você sem motivo nenhum somente pela sua beleza,sinto sua falta mesmo sem nunca ter estado com você.Será isso realmente possível? Sinto que mudanças drásticas se aproximam de mim e eu nada posso fazer,apenas esperar pra ver ate onde essa onda negra irá me levar,os sentimentos bons e brancos escorregam das minhas mãos,só tenho a escuridão ao meu lado mas ela não me assusta,ao contrario me deixa mais leve,mas segura e ao mesmo tempo muito confusa.
 Será que este momento é passageiro?Ou será que ira durar uma vida?Uma vida... será que isso é muito tempo?Preferia que não...
 Preferia mesmo que essa escuridão não fosse nunca embora,estivesse sempre do meu lado pois ela me traz uma calma quase que sobrenatural,boa assim como a morte deve ser.
 Lágrimas boas que não te deixam pior,ao contrario te deixam livre.Um silencio,calmo,puro,escuro,realmente completo .Eu Não me sinto completa,falta algo,pequeno mas que vai fazer muita diferença quando chegar,se chegar.
 Lágrimas que por fim chegam ate minha boca e me fazem feliz,me fazem sentir algo que ainda não tem nome,que eu ainda estou por descobrir,a alma livre,é me fazem sentir mesmo...
 Mas não me alivia a dor de não estar com você,uma dor estranha exatamente por nunca ter sentido o que realmente é estar do seu lado,a não ser a esperança remota de que um dia nós iremos nos encontrar,a lembrança dos seus olhos,de sua voz de seu jeito em minha mente vazia,vazia de tudo menos de você.
"Se você ler essas linhas, não lembre-se da mão que a escreveu
Lembre-se apenas do verso, o choro sem lágrimas do compositor"♫

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por comentar, volte sempre! *-*